A senha para se tornar os 10 mais ricos do Brasil 2020

A senha para se tornar os 10 mais ricos do Brasil 2020
Networking Social

01° Joseph Safra: R$ 119,08 bilhões
02° Jorge Paulo Lemann: R$ 91 bilhões
03° Eduardo Saverin: R$ 68,12 bilhões
04° Marcel Herrmann Telles: R$ 54,08 bilhões
05° Carlos Alberto Sicupira e família: R$ 42,64 bilhões
06° Alexandre Behring: R$ 34,32 bilhões

—- Total acima de 02 a 06 290,15 bilhões
07° André Esteves: R$ 24,96 bilhões
08° Luiza Trajano: R$ 24 bilhões
09° Ilson Mateus: R$ 20 bilhões
10° Luciano Hang (Havan): R$ 18,72 bilhões
Total de 1 – 7, 8, 9, 10 – 205,76 bilhões

Para entrar na faixa de 02 a 06 – é aconselhável praticar pesca submarina, parece ser a senha de sucesso.

01° Joseph Safra: R$ 119,08 bilhões

Joseph Safra

Joseph trabalhou desde cedo no banco de seu pai, que veio a São Paulo para fundar o Banco Safra, hoje a 4ª maior instituição financeira privada do país.

Nome completo‎: ‎Joseph Yacoub Safra – Ano de Nascimento‎: ‎1938 – Fortuna‎: ‎US$ 20,4 bilhões – Local de Nascimento‎: ‎Beirute, Líbano

02° Jorge Paulo Lemann: R$ 91 bilhões

Jorge Paulo Lemann

Jorge Paulo Lemann (Rio de Janeiro, 26 de agosto de 1939) é um economista e empresário suíço-brasileiro, é o dono da maior cervejaria do mundo, Ab InBev, e sócio do 3G Capital, que é controlador de redes como Burger King, Tim Hortons e Kraft-

03° Eduardo Saverin: R$ 68,12 bilhões

Eduardo Luiz Saverin

Eduardo Luiz Saverin (São Paulo, 19 de março de 1982) é um investidor-anjo e empreendedor da Internet brasileiro, que, em parceria com seu colega de quarto Mark Zuckerberg e outros três alunos de Harvard, fundou o Facebook.

Atuando à frente de negócios e como investidor, Saverin ficou mundialmente conhecido após o lançamento de “A Rede Social”, em 2010. O filme conta a conturbada história da criação do Facebook e do relacionamento de Zuckerberg com os outros fundadores da empresa.

No ano seguinte, Saverin voltaria aos holofotes. Pouco antes da abertura de capital do Facebook — que o alçou à lista mundial de bilionários — o brasileiro renunciou à cidadania americana.

A decisão evitou o pagamento de cerca de 15% em impostos sobre ganhos de capital, um valor que, especula-se, tenha ficado entre US$ 100 milhões e US$ 700 milhões com o IPO do Facebook. Saverin fixou residência em Singapura, que não cobra esse tributo.

04° Marcel Herrmann Telles: R$ 54,08 bilhões

Marcel Herrmann Telles

Ocupação: Economista e empresário
Local de nascimento: Rio de Janeiro, RJ
Data de nascimento: 23 de fevereiro de 1950

Praticante de pesca submarina, assim como seus sócios Jorge Paulo Lemann e Beto Sicupira, Marcel Telles costuma repetir que “para pegar um peixe grande, é preciso entrar na água”. Em outras palavras, é preciso ir buscar a oportunidade onde ela está. E foi isso o que ele sempre fez em sua carreira.
Carioca, Telles cursou economia na UFRJ e começou a trabalhar no mercado financeiro conferindo boletos durante as madrugadas. Entrou na corretora Garantia, de Lemann, em 1972, virando sócio em menos de dois anos.

Nos anos seguintes, Telles ficou ainda mais próximo de Lemann e Beto Sicupira – tanto na pesca submarina, como na criação de novos negócios. Em 1989, trocou a mesa de operações da corretora pela direção da Brahma, quando o Garantia comprou a cervejaria.

Na empresa, implementou um choque de gestão baseado em metas, corte de custos e meritocracia, em um programa que ficou conhecido no mundo todo como OBZ, o Orçamento Base Zero.

Atualmente, junto com Lemann e Sicupira, Telles é sócio da 3G Capital, fundo que investe em empresas americanas. O 3G comprou as redes de restaurantes Burger King, Tim Hortons e Popeyes, além do mega conglomerado alimentício Heinz, este em parceria com Warren Buffett.

05° Carlos Alberto Sicupira e família: R$ 42,64 bilhões

Carlos Alberto Sicupira

O empresário Carlos Alberto Sicupira, um dos controladores da Anheuser-Busch InBev e presidente do conselho da Lojas Americanas, conversa com Época NEGÓCIOS sobre o tema de sua vida: como construir novos e bem-sucedidos negócios.
controla a gigante 3G Capital.

3G Capital
Indústria de bebidas
AB InBev / Anheuser-Busch / InBev / AmBev

Grupo Modelo
SABMiller

Indústria de alimentos
Kraft Heinz / Kraft Foods / Heinz

Restaurantes de fast food
Restaurant Brands International / Burger King / Tim Hortons / Popeyes

Varejo
Lojas Americanas / Americanas Express / Americanas Local

Comércio Eletrônico
B2W Digital

Segue abaixo as empresas integrantes ao grupo:
Indústria de bebidas. AB InBev. AmBev. Interbrew. Anheuser-Busch.
Indústria alimentícia. Kraft Heinz. Heinz. Kraft Foods.
Restaurant Brands International. Burger King. Tim Hortons.

Varejo. Lojas Americanas.
Comércio eletrônico. B2W Digital.
TOP OF MIND
8 VEZES CONSECUTIVAS COMO MARCA DE E-COMMERCE

Submarino
LÍDER EM INOVAÇÃO
REFERÊNCIA EM TECNOLOGIA,
LIVROS, GAMES

Shoptime
PRODUTOS EXCLUSIVOS
PRIMEIRO E MAIOR CANAL DE TV HOME SHOPPING NA AMÉRICA LATINA

Sou Barato
OUTLET ONLINE / O OUTLET DA AMERICANAS.COM

06° Alexandre Behring: R$ 34,32 bilhões

Alexandre Behring

A trajetória de Behring está diretamente relacionada ao estilo de gestão do trio Lemann, Telles e Sicupira. Juntos, eles criaram a maior cervejaria do mundo, a AB Inbev. Os três sempre defenderam que os melhores talentos devem ser premiados e promovidos a desafios maiores.

Foi o que aconteceu com Behring, que também virou sócio, junto com os chefes, do 3G capital, uma empresa de investimentos que aplica parte do patrimônio em companhias nos Estados Unidos.

07° André Esteves: R$ 24,96 bilhões

André Esteves

André Esteves, fundador do banco BTG Pactual e é verídica a história de que a sigla BTG, nome do banco de investimentos criado por André Esteves, surgiu das iniciais de Back to The Game (de volta ao jogo), ninguém sabe ao certo.

O próprio banqueiro nunca admitiu essa versão. Virou lenda, mas bem que podia ser verdade. O suposto acrônimo casa bem com as idas e vindas triunfantes de um dos homens mais ricos do Brasil – que figura desde 2011, ininterruptamente, na lista de bilionários brasileiros da revista Forbes. Hoje ele tem uma fortuna de US$ 3 bilhões – e é o oitavo mais rico.

O “retorno” mais recente de André Esteves se deu no fim do ano passado. Em 2015, sob suspeita de tentar obstruir as investigações da Lava Jato, ele ficou preso por 23 dias em Bangu, no Rio, e foi afastado do bloco de controle do banco.

08° Luiza Trajano: R$ 24 bilhões

Luiza Trajano

A empresária Luiza Trajano, dona da rede varejista Magazine Luiza, é a mulher mais rica do país, segundo lista da revista estadunidense Forbes Brasil, divulgada nesta sexta-feira (18/09/20). Sucesso no e-commerce, a empresária é a única mulher no top 10 do ranking, ocupando a 8º posição.

No atual contexto de pandemia, as vendas on-line se tornaram uma alternativa àqueles que buscam manter o isolamento social. Acompanhando esse movimento, a Magazine Luiza, segundo a Forbes, teve um crescimento de 181% de patrimônio no último ano, estimado em R$ 24 bilhões.

Por causa dessa alta, Luiza Trajano subiu 16 posições, desbancando a, até então mulher mais rica do país, Miriam Voigt, da multinacional Weg. Em 2019, Trajano ocupava a 24ª colocação na lista.

09° Ilson Mateus: R$ 20 bilhões

Nome completo Ilson Mateus Rodrigues
Residência São Luís, MA
Nacionalidade Brasileiro
Fortuna Aumento R$ 20 bilhões
Filho(s) Ilson Mateus Junior
Ocupação Empresário
Profissão ex-garimpeiro e ex-torneiro mecânico
Cargo CEO do Grupo Mateus
Religião Cristão

Atualmente, mais de 40% da receita do Grupo Mateus é oriunda do formato atacarejo. A expansão da companhia segue análises rigorosas: a operação de atacado ajuda a revelar quais cidades têm potencial para receber um supermercado ou mesmo uma loja de cash & carry. O passo seguinte é criar rotas logísticas conforme a densidade de cada área e ir crescendo “de um jeito parecido com um anel de cebola”, conforme relatou um analista ao Brazil Journal.

10° Luciano Hang (Havan): R$ 18,72 bilhões

Luciano Hang

Nome completo Luciano Hang
Conhecido(a) por Véio da Havan
Nascimento 11 de outubro de 1962 (57 anos)
Brusque, Santa Catarina
Nacionalidade brasileiro
Fortuna Aumento R$ 18.9 bilhões
Alma mater FURB
Ocupação empresário

Loja Havan

Aos 17 anos foi admitido para trabalhar na Fábrica de Tecidos Carlos Renaux, onde seus pais trabalhavam . No início dos anos 1980, aos 21 anos, comprou uma empresa, a Tecelagem Santa Cruz, à qual passou a se dedicar e expandir, paralelamente à carreira na fábrica de tecidos.

Em 1986, percebendo que Brusque ganhava um novo impulso econômico baseado no turismo de compras devido a indústria têxtil na região de Brusque, junto a o sócio Vanderlei de Limas, abriu uma pequena loja de tecidos. Da junção dos nomes Hang e Vanderlei, surgiria a marca Havan.

Em meados de 2016, surgiram na internet e nas cidades em que a empresa prosperou, boatos sobre quem seria o dono da Havan: a filha da ex-presidente Dilma Rousseff, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o bispo Edir Macedo e até o apresentador Silvio Santos. Vendo um risco de ter sua marca equivocadamente associada a políticos, Hang então decidiu atuar nos comerciais da marca e participar de programas de entrevistas

Deixe uma resposta