São José do Rio Preto, SP é uma das poucas cidades do Brasil com 99% do esgoto tratado.

São José do Rio Preto SP é uma das poucas cidades do Brasil com 99% do esgoto tratado
Networking Social

Uma das grandes razões por ter a cidade um das melhores qualidade de vida, e para que este perfil seja cada vez mais melhorado, Rio Preto aumenta captação com mais um poço do Aquífero Guarani

Após a conclusão da obra, 100 mil pessoas deverão ser beneficiadas com a interligação do poço Profundo do Palestra com o Sistema do Eldorado

O prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo, ao lado do superintendente do Semae – Serviço Municipal Autônomo de Água e Esgoto, Nicanor Batista Jr., visitou na manhã de hoje, 4, as obras de perfuração do 9° poço profundo do Aquífero Guarani, ao lado do Residencial Palestra. Após concluído, o poço vai produzir 300 mil litros de água por hora, o suficiente para atender uma população de 25 mil pessoas de forma direta. O valor do investimento nesta etapa foi de R$ 6,4 milhões.

Atualmente, o Semae produz 55 milhões de m3/ano de água para uma população de 460 mil habitantes. Desse total, o Aquífero Bauru, com 343 poços, produz 27,4 milhões de m3/ano; o Aquífero Guarani, com oito poços, produz 13,5 milhões de m3/ano; e a ETA – Estação de Tratamento de Água, que obtém água do rio Preto, produz 14,1 milhões de m3/ano.

Ao lado do novo poço, está em construção um reservatório de água e uma estação elevatória. Será feita a urbanização no local. O reservatório, com capacidade para 2 milhões de litros, faz parte das obras complementares do poço. O valor dessa obra é de R$ 6,6 milhões.

Completando a obra, cinco quilômetros de adutora serão construídos, interligando o poço profundo do Palestra com o Sistema Eldorado, na região Norte, completando o abastecimento de água na região, beneficiando 100 mil pessoas. O valor da interligação é de R$ 4,5 milhões.

As obras deverão ser concluídas em outubro de 2020, com valor total estimado de R$ 17,5 milhões.

Depois do Residencial Palestra, o prefeito Edinho acompanhou o andamento das obras de ampliação do interceptor de esgoto a margem direita do rio Preto, na Represa Municipal, no trecho da BR-153, da rua Antônio Pereira Braga, Jardim Fuscaldo até rua São Paulo. No total serão 4.144 metros de tubulação, com um investimento de R$ 4,7 milhões. O interceptor vai beneficiar 80 mil pessoas.

“É água de qualidade na torneira e serviço regular sendo oferecido pela população de Rio Preto. Já podemos falar em 99% de esgoto tratado na cidade”, enfatizou o Prefeito, Edinho Araújo.

Estão sendo investidos R$ 23 milhões em novos interceptores de esgoto nas margens dos córregos do município e do rio Preto, num total de 16 quilômetros. O trecho da Represa Municipal deverá ser liberado em até 30 dias.

Deixe uma resposta